Na era da comunicação digital e das redes sociais, os sites de marcas e lojas de skate parecem ter dois caminhos. Se atualizar e usar as plataformas mais modernas disponíveis tendo as redes sociais como apoio; ou focar nas redes sociais para gerar e mostrar seu conteúdo tendo o site apenas como uma espécie de cartão de visita. A Ambiente sempre teve a comunicação como um de seus mais estáveis pilares e seu site foi por muito tempo a principal ferramenta de diálogo com clientes, fornecedores e parceiros. Trabalhando sempre na geração de conteúdo interessante e usando a internet efetivamente como uma grande rede de informação e disseminação de ideias. Mas, por mais de um ano quem acessava "ambienteskateshop.com.br" não via o site que sempre esteve ali. No final de 2013 Juliano Amaral e Pedro Mota decidiram encabeçar uma reestruturação do site e encontraram uma série de desafios. Hoje, com o novíssimo site no ar, decidimos conversar e entender o que aconteceu e quais são as expectativas para o futuro. Nós que estamos aqui na loja todo dia, sabemos mais ou menos o que rolou para que houvesse tanto atraso nesse projeto. Mas decidimos fazer essa entrevista com os caras para mostrar a nossos clientes/amigos qual o compromisso que temos com o novo site e dar uma luz sobre o que o futuro reserva.

Confira a entrevista:

O site da Ambiente já foi uma importante fonte de conteúdo em nossa região. Porque o site ficou tanto tempo fora do ar? O que aconteceu?

Juliano Amaral - Comecei meu trabalho na Ambiente administrando o antigo site. Ele era um portal regional juntamente com uma pequena loja virtual. O conteúdo era bem amplo com entrevistas, atualidades, vídeos e fotos. Trabalhei 2 anos com o antigo site quando percebi que para melhorar nossas vendas online precisaríamos de uma nova plataforma. Ai veio a ideia do novo site. Fiz um curso para gerente de e-commerce e contratamos uma empresa para começar a nova empreitada! O site estava 90% pronto quando tivemos a necessidade de mudar nosso servidor. Bastava pegar o site antigo e mudar de servidor enquanto o outro não ficava pronto. Segundo a empresa contratada, não tinha necessidade de fazer essa migração, já que o site novo estava quase pronto. Ai veio a surpresa!!! Passou uma semana, duas, três... e o site novo não ficava pronto. Quando de repente veio a noticia do fechamento da empresa que contratamos! Estávamos encrencados!!! Para tentar solucionar o responsável pela empresa se juntou com um programador para começar tudo do zero. Confiamos nele e demos um novo prazo para entrega. Já estávamos mais de 2 meses fora do ar, iríamos ficar mais 2 até tudo ficar pronto. Decidi eu mesmo fazer um blog para continuar gerando conteúdo até ficar pronto. Passou o prazo para entrega e tivemos outra surpresa.O programador desistiu do projeto. Que merda!! Ai tentaram arrumar outra pessoa para programar. Mais já tínhamos perdido a confiança totalmente. Pedimos o dinheiro de volta e fomos atrás de outros profissionais para fazer nosso projeto. Com todo este rolo já estávamos a uns 5 meses sem o site. Acalmamos e pesquisamos bem antes de contratar outra empresa para fazer. Até achar as pessoas certas e concluir o novo site ficamos um ano fora do ar.

Pedro Mota - Uma série de fatores contribuíram para que o site ficasse fora do ar esse tempo todo, um projeto como esse não é fácil de ser desenvolvido e toma tempo mesmo. O que mais nos prejudicou foram alguns "probleminhas" com programadores, inclusive chegamos a alimentá-lo duas vezes com a esperança de que íamos para o ar. Como disse, um site com tanta ferramenta como esse não é nada simples.

Neste período sem o site, vocês acham que a galera sentiu falta? Haviam reclamações?

Juliano Amaral - Nós tínhamos muito acesso e logo começaram as perguntas nas redes sociais. “Cade o site?” “Quando fica pronto?” Rolavam comentários o tempo inteiro em nossas publicações. A galera sentiu falta mesmo.

Pedro Mota - Fomos por muito tempo um portal de notícias muito forte e a galera acessava mesmo, sempre rolavam notícias interessantes da cena regional e até mesmo o que estava rolando no mundo inteiro. A galera sentiu muita falta do nosso site, quase diariamente rolavam perguntas em nossas redes e muitas dessas vezes nem sabíamos o que responder diante dos problemas que estavam rolando durante essa jornada. Rolaram muitas reclamações. Engraçado que esses recentemente nosso site ficou no ar uns dois dias para teste e ele não estava funcionando, era realmente só para teste e um cliente, mandou uma mensagem em nosso facebook "seria interessante se vocês manterem o site funcionando direito!!!", ou seja a galera sentiu falta mesmo!

Quais foram os maiores desafios nesta jornada pela construção do novo site?

Juliano Amaral - Passar muito estresse com os problemas no começo foi o maior desafio. Não conseguia andar de skate pensando em tudo que rolou. Foi difícil superar a decepção que fiquei sem minha ferramenta de trabalho. Mesmo tendo feito o blog não me sentia bem. Ainda teve todo o trampo de cadastrar a loja toda duas vezes e não ver a parada ficar pronta!!

Pedro Mota - De verdade tudo foi desafio. Tomar decisões da forma que tomamos não foi nenhum pouco fácil, rolaram várias coisas no decorrer desse tempo todo que prefiro nem comentar aqui. O que diferencia este novo site do antigo?

Juliano Amaral - O antigo era antigo o novo é novo!! Kkkk Brinks!!
Nosso site antigo não era compatível com as ferramentas que precisávamos para alavancar nossa loja virtual. Ele funcionava bem como um portal, mesmo assim já estava bem antigo com ideias engessadas nele que eram muito ultrapassadas. O novo site vai ser responsivo e nos permitirá o uso de ferramentas essenciais para um bom e-commerce. Este blog aqui vai ter um time de colaboradores juntamente com nós aqui da Ambiente que deve gerar um conteúdo bem massa!

Pedro Mota - Antes tínhamos uma plataforma ultrapassada que não nos proporcionava o crescimento que esse novo site nos proporciona. Nossa plataforma agora é de primeira qualidade e totalmente focada para o e-ocmmerce que faz com que possamos atender o Brasil inteiro.

Quais são os principais objetivos de vocês com esse novo site?

Juliano Amaral – Tenho um sonho de montar nossa pista em um galpão bem massa! Quero que a loja virtual nos de condições para fazer isso mais rápido. Então temos que trabalhar bastante para conseguir lucro e realizar sonhos tipo esse. Levar um bom conteúdo de skate para todos também vai ser nossa missão! Com nossos colaboradores e nossa equipe tenho certeza que vamos fazer um bom trabalho.

Pedro Mota - Os principais objetivos são poder levar qualidade e um bom conteúdo para regiões que não tem um mercado como o nosso.

O site antigo abrigava uma loja virtual que ofertava tênis e peças de skate. Como vai ser nesse novo site? Vai ter loja virtual? O que vai ser ofertado?

Juliano Amaral - Responde essa ai Pedro kkkkk.

Pedro Mota - Vamos começar com peças de skate e tênis só que com uma variedade maior do que tínhamos antes e logo menos vamos entrar com produtos da nossa própria marca.

Agora que o site está finalmente no ar, qual a sensação pra vcs?

Juliano Amaral -
 Depois de tudo que rolou estou me sentindo o Rock Balboa!!! kkkkk A sensação é de missão cumprida e de empolgação total! Agora vamo que vamo!!! Tamo junto Pedrinho!!

Pedro Mota - Agora posso me sentir mais aliviado, finalmente temos vida de novo. Sensação pura de conquista! Qual a lição que vcs tiram dessa empreitada?

Juliano Amaral - O barato sai caro! Foi a primeira vez que toquei um projeto grande. Aprendi muita coisa. No profissional e na vida. Obrigado Ambiente pela oportunidade! Vai ser de coração!!!

Pedro Mota - Nunca desistir dos seus objetivos mesmo que o caminho seja longo!!!